Home / Health ARQ / Construção / Obras na Unidade de Emergência Daniel Houly (AL) irão triplicar capacidade de atendimento

Obras na Unidade de Emergência Daniel Houly (AL) irão triplicar capacidade de atendimento

A ampliação da Unidade de Emergência Daniel Houly, em Arapiraca, está muito próxima de se tornar realidade. Com as obras em estágio adiantado, o maior hospital de traumas do interior de Alagoas em breve ganhará novos leitos nas áreas de Internação e Unidade de Terapia Intensiva (UTI), o que, na prática, irá representar a triplicação de sua capacidade atual.

O maior desafio para a direção da Unidade de Emergência é gerenciar esse momento de transição, uma vez que o hospital permanecerá funcionando o tempo todo. Diante disso, o processo de transferência dos setores vem sendo preparado de forma planejada, articulada e envolvendo todos os setores, a fim de que não haja transtornos aos pacientes e servidores.

De acordo com a gerente geral, Regiluce Santos, os preparativos para a ampliação do hospital não se resumem apenas às mudanças físicas. “Nossa preocupação não é somente com a transferência física dos setores. Estamos preparando todos os nossos profissionais para que cada setor tenha autonomia própria para administrar a mudança”, frisou.

Nesse ponto, o trabalho do Núcleo de Educação Permanente (NEP) da Unidade de Emergência tem sido essencial. O Núcleo vem realizando um trabalho de forma alinhada com todos os servidores, visando estabelecer uma equipe de profissionais com pensamento crítico, capacidade de resolução de problemas, habilidades técnicas – científicas e princípios da humanização, orientadas para a melhoria da qualidade do serviço.

Desde que foi inaugurada, no ano de 2003, o número de atendimentos na Unidade de Emergência do Agreste vem aumentando ano após ano. Em 2015, por exemplo, o hospital atendeu mais de 45 mil pessoas oriundas de mais de 50 municípios alagoanos e até de Estados vizinhos como Pernambuco, Sergipe e Bahia.

Desde a primeira ordem de serviço da obra de ampliação até os dias atuais, o hospital vem se adaptando na forma de manter a excelência do atendimento. Apesar dos transtornos, o Governo do Estado e a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) têm contribuído para a prestação de um serviço humanizado e com qualidade.

“Hoje somos referência em Alagoas nos atendimentos de média e alta complexidade. Esse mérito é de cada um dos profissionais do hospital que, com habilidade e paixão, tem contribuído significativamente nessa evolução. Nosso foco agora é tornarmos a Unidade referência em atendimento humanizado e segurança do paciente no nordeste”, finalizou.

Sobre

Veja também

Obras de reforma do Hospital Regional de Gurupi passam por vistoria

Como parte da implantação do Plano Diretor Estratégico (PDE) no Hospital Regional de Gurupi, o …