Home / Health ARQ / Arquitetura / UTI coronariana do Hospital de Clínicas de Mogi das Cruzes (SP) é inaugurada

UTI coronariana do Hospital de Clínicas de Mogi das Cruzes (SP) é inaugurada

A nova UTI coronariana do Hospital de Clínicas Luzia de Pinho Melo, em Mogi das Cruzes, foi inaugurada neste mês, com a participação do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin. Para implantação dos dez novos leitos foram investidos pelo governo estadual R$ 8,6 milhões. Para o custeio do serviço, o investimento será de cerca de R$ 9 milhões anuais.

A UTI representa um serviço de alta complexidade, referência para toda a região do Alto Tietê, e uma complementação ao atendimento cardiológico prestado na unidade.

“O Hospital Luzia de Pinho Melo é um dos mais importantes centros cardiológicos do estado”, destacou o governador após a entrega da nova UTI. “Aqui temos o ciclo completo, desde a clínica, cirurgias cardíacas, cateterismo, stent, aparelhos de hemodinâmica para cardiologia vascular. Agora serão mais dez leitos, totalizando 43, com equipamentos de última geração.”

Ampliação do atendimento

Desde o início do ano, o hospital está ampliando o atendimento na especialidade de cardiologia. Agora, além do atendimento emergencial e ambulatorial de cardiologia, há serviços de implantação de marca-passo, cardiodesfibrilador e ressincronizador cardíaco e atendimento para troca e controle desses equipamentos, complementado pelo suporte da UTI Coronariana para atendimento dos casos mais graves. No primeiro semestre deste ano, foram realizados 103 implantes de marca-passo na unidade.

O hospital tornou-se uma referência importante na região para os pacientes na área de cardiologia devido ao serviço de cirurgia cardíaca e à modernização do serviço de hemodinâmica, que resultou em aumento no número de exames de cateterismo cardíaco, neurológico e vascular, que passaram de 60 a 180 por mês.

Sobre

Veja também

Obras de reforma do Hospital Regional de Gurupi passam por vistoria

Como parte da implantação do Plano Diretor Estratégico (PDE) no Hospital Regional de Gurupi, o …