Home / Health ARQ / Arquitetura / Maternidade de Teresina (PI) ganha Centro de Parto Normal

Maternidade de Teresina (PI) ganha Centro de Parto Normal

O primeiro Centro de Parto Normal (CPN) do município de Teresina foi inaugurado nesta quarta (31/08) e funcionará na Maternidade do bairro Buenos Aires, que foi reformada e ampliada e localiza-se na zona Norte da capital. A inauguração acontece no mesmo mês em que o prefeito Firmino Filho sancionou a lei que regulamenta o trabalho das Doulas no atendimento à parturiente no trabalho de parto, no parto e no pós-parto.

A nova estrutura vai funcionar a partir de hoje (1/09), com 52 leitos, sendo 30 leitos obstétricos, sete de neonatologia, dez leitos de Unidade de Cuidados Intermediários Neonatal (UCIN) e cinco quartos para pré-parto, parto e pós-parto.

O CPN tem estrutura para o atendimento conforme o modelo de assistência humanizada ao parto, de acordo com as normas preconizadas pelo Ministério da Saúde. Funcionará com banheira de hidromassagem, camas especiais e equipamentos para partos de diversas posições.

A presidente da Fundação Hospitalar de Teresina (FHT), Fátima Garcêz, destaca benefícios com o modelo de assistência humanizada às pacientes. “O atendimento do profissional de saúde é voltado para respeitar as necessidades da parturiente com suas especificidades, explicando e orientando sobre todos os procedimentos”, informa.

A obra de reforma da Maternidade está 95% concluída e tem investimento de R$ 2.017.618,23, sendo R$ 1.634.395,27 da Prefeitura de Teresina e o restante do Governo Federal.

Além dos leitos, a maternidade terá sala de aleitamento, salas para testes do pezinho e orelhinha, cartório de registro de nascimento, sala de atendimento obstétrico neonatal, de fonoaudiologia e de classificação de risco.

Lei das Doulas

O projeto de Lei foi apresentado na Câmara Municipal em fevereiro pelo vereador Edvaldo Marques e subscrito pelo vereador Rosário Bezerra e aprovado em abril por unanimidade. O projeto virou a Lei 4.935 no último dia 19 de agosto, após sanção do prefeito.

A lei garante garante que a parturiente possa indicar uma Doula durante o trabalho de parto, parto e pós-parto imediato nas maternidades e hospitais no Município de Teresina.

Sobre

Veja também

Obras de reforma do Hospital Regional de Gurupi passam por vistoria

Como parte da implantação do Plano Diretor Estratégico (PDE) no Hospital Regional de Gurupi, o …