Hospital Moinhos de Vento realiza cerimônia de posse de nova diretoria clínica


young businesswoman working in office

Na próxima quarta-feira (25) acontece a posse dos novos diretores clínicos do Hospital Moinhos de Vento. Os médicos Mauro Weiss (Diretor Clínico) e Alexandre Schmaedecke (Vice-Diretor) ocuparão a gestão durante o próximo biênio (2017-2018), substituindo os médicos Leandro Armani Scaffaro e Carlos Delmar do Amaral Ferreira. A atividade para convidados acontece às 19h no Anfiteatro Schwester Hilda Sturm (Rua Ramiro Barcelos, 910, Bloco C – 4º andar).

A programação contará com palestra do jornalista Marcelo Rech, presidente do Fórum Mundial de Editores, presidente da Associação Nacional de Jornais (ANJ) e vice-presidente Editorial do Grupo RBS, que falará sob o tema “A Era da Pós Verdade”.

Entre os objetivos da Direção do Corpo Clínico estão contribuir para o bom desempenho profissional dos médicos, assegurar condições para uma melhor assistência aos pacientes, colaborar para o aperfeiçoamento dos médicos e dos técnicos da Instituição. Também estimular a pesquisa médica, cooperar com a administração da instituição visando à melhoria da assistência prestada e estabelecer rotinas para a melhoria da qualidade dos serviços oferecidos.

Biografia dos médicos eleitos

Mauro Weiss é urologista do Serviço Médico de Urologia do Hospital Moinhos de Vento e membro ativo do corpo clínico do Hospital Moinhos de Vento desde 1985. O especialista em Urologia da Sociedade Brasileira de Urologia também é membro da Sociedade Americana de Urologia.

Alexandre Schmaedecke é formado pela faculdade de medicina da UFRGS, com pós-graduação em Gastroenterologia. Membro do corpo clínico do Hospital Moinhos de Vento desde 1984, o especialista foi supervisor do Programa de Residência Médica em Medicina Interna da Fundação Faculdade Federal de Ciências Médicas de Porto Alegre e membro do Comitê de Ética do Hospital Moinhos de Vento entre 2008 e 2014.

Artigo Anterior Sorgo que te quero bem
Próximo Artigo Governo amplia área com reforço de vacinação contra febre amarela