Governo inaugura em março sete grandes obras da área da Saúde


No rush de inaugurações de obras comandado pelo governador Marconi Perillo, o mês de março será o de inaugurações de grandes obras na área da Saúde. São sete previstas na agenda e que, somadas, obtiveram investimento de quase R$ 200 milhões. Entre as obras estão a ampliação do Huana e do HDT, inauguração do Hospital do Servidor e de dois Credeq’s, além de Unidades Estaduais de Saúde Especializada (USE’s), anteriormente chamadas de Unidades Médicas Especializadas (AMEs).

As obras integram o pacote previsto pelo programa Goiás na Frente para a área da Saúde. Em março do ano passado, decreto do governador Marconi destinou R$ 240 milhões para investimentos no setor, oriundos da privatização da Celg S.A e vinculados à área. A primeira inauguração prevista é a da reforma, adequação e ampliação do Hospital de Doenças Tropicais (HDT), ao valor de R$ 22.269.295,05.

Em seguida, ele inaugurará o Centro de Referência e Excelência em Dependência Química (Credeq) na cidade de Quirinópolis, que recebeu investimento de R$ 29.069.234,12. Será o segundo Credeq dos cinco previstos pela administração estadual. O primeiro, de Aparecida de Goiânia, foi inaugurado em junho de 2016. Os demais estão em construção.

Depois, o governador vai inaugurar uma Unidade Estadual de Saúde Especializada (USEs) também em Quirinópolis, ao valor de R$ 9.622.056,88. A quarta obra a ser inaugurada é o Credeq de Goianésia, na qual o governo estadual investiu R$ 28.230.208,77. Em seguida, Marconi entregará mais uma Unidade Estadual de Saúde Especializada (USEs), dessa vez em Goianésia. O investimento é R$ 9.388.273,68.

A ampliação do Hospital de Urgências de Anápolis (Huana) é a próxima inauguração da lista. A obra recebeu investimentos de R$ 12.580.623,30. A última inauguração na área da Saúde, prevista na agenda de março, é a do Hospital do Servidor, ao valor de R$ 70.000.000,00.  A unidade será a maior de Goiás, atrás apenas do Hospital de Urgências Governador Otávio Lage (Hugol). Serão 24 mil metros quadrados de área construída, com 211 leitos. O hospital vai atender a todos os usuários do Ipasgo.

Além das inaugurações, Marconi também vai vistoriar as obras da Unidade Estadual de Saúde Especializada (USEs) da cidade de Goiás, que recebe investimento de R$ 10.130.064,22

Obras já inauguradas

Em janeiro, Marconi inaugurou o Centro de Diagnósticos do Centro de Reabilitação e Readaptação Dr. Henrique Santillo (Crer), a terceira ampliação do hospital.  O investimento foi de R$ 35 milhões. O Centro de Diagnósticos tem capacidade para realização de 60 mil exames por mês.

O governador entregou também a Residência Assistencial  Santa Marta e lançou a pedra fundamental dos hospitais do Idoso e do Homem. A Residência Assistencial Santa Marta está acolhendo 20 pacientes moradores do Hospital Estadual de Dermatologia Sanitária e de Reabilitação Santa Marta (HDS). A estrutura oferece apartamentos individuais e mobiliados, além de área de convivência e praça de banho de sol, com infraestrutura assistencial. O governo do Estado investiu R$ 5,5 milhões na obra.

Marconi lançou ainda a pedra fundamental do Hospital do Idoso Nabyh Salum e do Hospital do Homem José Luiz Bittencourt. O complexo hospitalar será construído em uma área de 36 mil metros quadrados com atendimento voltado à população masculina com idade igual ou superior aos 60 anos.

Artigo Anterior Sistema da Wareline conquista certificação SBIS-CFM
Próximo Artigo Construção do hospital universitário de Lavras terá investimento de quase R$ 18 milhões