Estudo sobre benefício do ClinicalKey para hospitais é selecionado para sessão do Prêmio Inovação em Saúde do HIMSS LA 2015

Giselle Vasconcellos 02b
Giselle Vasconcellos, Coordenadora de Marketing da Elsevier

Com apresentação no dia 5/11, no Grand Hyatt, em São Paulo, o estudo do ClinicalKey demonstrará que a fonte de busca médica da Elsevier, além de suporte à tomada de decisão clínica, também pode ajudar os hospitais a reduzir despesas. Ainda durante o HIMSS LA 2015, a Elsevier apresentará a integração da ferramenta aos prontuários eletrônicos das plataformas Soul MV e Athimos

Estudo desenvolvido em um hospital privado no Rio de Janeiro constatou que evidências científicas fornecidas pela ferramenta de buscas médicas ClinicalKey podem ser úteis para evitar glosas hospitalares (recusa do pagamento de despesas pelas operadoras de saúde) e, assim, reduzir gastos nas instituições de saúde, contribuindo para a sustentabilidade do setor. O estudo realizado em 2014 analisou 17 itens apontados pelo hospital como sendo os mais glosados no período de janeiro a setembro. Foi selecionado como um dos 10 cases para integrar as sessões do “Prêmio Inovação em Saúde” da edição latino-americana do HIMSS 2015 – principal evento internacional de tecnologia da informação em saúde – Categoria Cuidados Agudos – Case Study with Clinicalkey – Evidence-Based Medicine. A apresentação será dia 05/11, das 15h30 às 15h45, Session 3 no Argentum Room.

“Há pouca informação disponível sobre a relação entre ferramentas de buscas médicas e redução de despesas. A reversão das glosas significaria uma economia de cerca de R$ 1 milhão para o hospital em questão, no período de 9 meses (com base na tabela do guia de preços Brasíndice)”, afirma Giselle Vasconcellos, Coordenadora de Marketing da Elsevier, que fará a apresentação dos resultados. O estudo mostra que foram encontradas no ClinicalKey as evidências científicas para fundamentar a adoção da maioria dos procedimentos, materiais e medicamentos glosados pelas operadoras de planos de saúde no hospital pesquisado.

No Brasil, ainda existe uma lacuna muito grande a respeito da adoção de tecnologia pelos hospitais, especialmente aquelas relacionadas ao apoio à tomada de decisão clínica. Fontes de buscas médicas oferecem o suporte essencial para guiar os hospitais na transformação de um cenário onde a informação é documentada de forma digital para efetivamente impactar a qualidade da assistência. Modelos internacionais como o EMRAM (Electronic Medical Record Adoption Model), proposto pelo HIMSS (Healthcare Information and Management Systems Society) tem sido a referência de Prontuário Eletrônico para auxiliar as instituições de saúde a se tornarem hospitais digitais e alcançarem maior governança clínica.

Recurso criado pela Elsevier, líder mundial no fornecimento de produtos de informação científica, técnica e médica, o ClinicalKey oferece evidências para mais de 30 especialidades médicas e cirúrgicas, incluindo todo o conteúdo de livros consagrados de autores renomados e periódicos de referência publicados pela Elsevier, guidelines, revisões sistemáticas, ensaios clínicos, MEDLINE, além de vídeos, imagens, procedimentos e monografias sobre drogas. Médicos e profissionais de saúde acessam ClinicalKey 24 horas por dia, 7 dias por semana, através de diversos dispositivos móveis e encontram rapidamente informações confiáveis para diagnósticos e condições médicas, além das pesquisas mais recentes sobre doenças e tratamentos. Desde o lançamento mundial em 2012, centenas de hospitais e escolas médicas adotaram a ferramenta.

No Brasil, a lista de instituições que já utilizam o ClinicalKey inclui os hospitais Sírio-Libanês, Israelita Albert Einstein, Beneficência Portuguesa, São Rafael, Instituto do Coração de São Paulo (INCOR), entre outros.

Parcerias de integração com MV e WW8

A Elsevier também anuncia durante o HIMSS LA 2015 as importantes parcerias de integração do ClinicalKey com os prontuários eletrônicos das plataformas SoulMV e Athimos, das empresas MV e a WW8, respectivamente.

Os prontuários simplificam e melhoram a qualidade do registro clínico, aumentado a segurança do paciente. Integrados ao ClinicalKey, passam a fornecer as respostas que os médicos precisam em diagnósticos e tratamentos, agilizando o fluxo de trabalho. O acesso à ferramenta de buscas é feito apenas com um clique pelo botão InfoButton, incorporado aos prontuários para evitar vários logins e diferentes janelas abertas.
“A integração da plataforma ClinicalKey com o Prontuário Eletrônico da MV agregará aos nossos clientes uma excelente fonte de informação e gestão de conhecimento nos processos assistenciais, provendo auxílio na tomada de decisões e na prevenção de glosas. Serão disponibilizadas aos usuários acesso a mais de 600 jornais especializados, 1.000 livros e 17.000 vídeos de procedimentos médicos, gerando retorno qualitativo, humanitário e financeiro às Instituições”, diz o diretor corporativo de Sistemas da MV, Ubirajara Maia.

“Acredito que a interoperabilidade entre as melhores soluções de cada área é a chave para que a tecnologia contribua cada vez mais para a qualidade da saúde. Esta integração é exemplo perfeito disto. De um lado temos o Athimos, sistema especialista em registros clínicos, que se integra a outros sistemas de forma natural para o usuário, e de outro temos o ClinicalKey, que é um sistema especialista em pesquisa na maior base de literatura médica disponível”, diz o sócio-diretor da WW8 Tecnologia, Diego Corrêa. Entre os clientes atendidos pela WW8 está o Complexo Hospitalar Edmundo Vasconcelos, localizado em São Paulo, hospital pertencente à Fundação Bradesco.

SERVIÇO

Elsevier no HIMMS LA 2015
Hotel Grand Hyatt – Av. das Nações Unidas 13.301, São Paulo-SP

– Apresentação Case Study with Clinicalkey – Evidence-Based Medicine

Dia/hora: 5 de novembro, das 15h30 às 15h45
Local: Argentum Room

– Apresentação da integração ClinicalKey e Athimos
Dia/hora:  5 de novembro de 2015, das 16h às 16h30
Local: Estande da Elsevier

– Apresentação da integração ClinicalKey e SoulMV
Dia/hora: 4 de novembro, das 15h45 às 16h15
Local: Estande da MV