Parada há 2 anos, obra do Hospital Regional de Ariquemes segue sem previsão de retorno

0
11

Previsão de entrega da obra era pra agosto de 2016. Secretário de saúde diz que empresa que abandonou a obra foi multada.

Avaliada inicialmente em R$ 35 milhões, a obra do novo Hospital Regional de Ariquemes (RO) segue sem previsão de ser retomada, segundo a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau). Os trabalhos no prédio foram paralisados em setembro de 2015 por causa de problemas na documentação entre a Sesau e a Caixa Econômica Federal (CEF).

A agricultora Odília Almeida mora em Cujubim (RO) e vai com frequência até Ariquemes para fazer exames. Ela sempre passa na frente da obra e lamenta o desperdício de dinheiro público.

“Como cidadã eu me sinto traída vendo essa obra abandonada, porque quando a gente vota está confiando, aí não fazem o que a gente espera e fica desse jeito. É uma brincadeira com a cara do povo”, criticou.

Buracos feitos nas fundações do prédio hoje acumulam água e estão servindo de criadouro para mosquitos transmissores da dengue, por exemplo. No fim de novembro, o terreno, que estava tomado de mato foi limpo, por causa da inauguração da Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

A obra abandonada está Avenida Tancredo Neves, no Setor Institucional, entre a UPA e o atual Hospital Regional.

O prédio do atual Hospital Regional foi construído há cerca de 30 anos e a estrutura não acompanhou o crescimento da demanda no Vale do Jamari.

Histórico

A construção do novo hospital começou a ser debatida ainda em 2013. No dia 1º de junho de 2015 foi assinada a ordem de serviço para o início da obra, com a previsão de conclusão em agosto de 2016 e um custo de R$ 35 milhões.

A unidade, segundo o Governo do Estado terá de 11 mil metros quadrados de área construída, com 140 leitos incluindo 10 de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI).