Hospital Municipal entrega nova maternidade totalmente reformada em São José dos Campos

0
52

O Hospital Municipal Dr. José de Carvalho Florence, mantido pela Prefeitura em parceria com a SPDM (Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina), concluiu a reforma da maternidade.

Serão 40 leitos novos de maternidade, para as gestantes de alto risco e parturientes. A transferência das pacientes internadas na ala antiga para a nova ocorrerá gradativamente neste fim de semana.

A reforma foi executada numa área de 670 metros quadrados e compreendeu a revitalização com adequação de layout, reparo de revestimentos danificados, colocação de piso porcelanato nas áreas frias, reparo das instalações elétricas e hidráulicas, pintura de parede e caixilhos, instalação de fórmica para proteção das paredes e marcenaria.

A maternidade do HM realiza 30% dos partos das crianças nascidas em São José dos Campos, entre hospitais públicos e privados. Em 2017, realizou 3.857 partos, num total de 4.280 procedimentos obstétricos (35% cesáreas). Houve 4.936 internações e 30.130 atendimentos de pronto atendimento obstétrico ao longo do ano passado.

Por etapas

Por etapas, o HM está passando por uma grande reforma, que possibilitará melhor atender a população. Esta é a terceira grande reforma executada em menos de um ano. Em 2017, foram reformados o setor de clínica médica e ala de procedimentos eletivos.

A nova ala de clínica médica, entregue em setembro, ficou mais próxima à UTI, permitindo um melhor acompanhamento dos pacientes que necessitam de retaguarda para eventuais intercorrências. Em julho, foi entregue a nova ala de procedimentos eletivos, que passou a abrigar os pacientes pós-cirúrgicos. Foram reformados 18 quartos, 5 salas de apoio, posto de enfermagem, 20 banheiros e 36 leitos.

Em julho do ano passado, a Prefeitura renovou o contrato de gestão com a SPDM, que prevê um repasse mensal no valor de R$ 13,7 milhões. O HM é a maior unidade hospitalar de referência para urgência e emergência da região do Vale do Paraíba. Recebe aproximadamente mil pessoas por dia no seu pronto-socorro (média de 20 mil/mês).