Home / Saúde Online / Revisitar é preciso! – Por Márcia Mariani

Revisitar é preciso! – Por Márcia Mariani

Como diria nosso bom amigo Lavosier, na natureza nada se cria, nada se perde, tudo se transforma. Será?

Na natureza claro que é assim, mas sempre tem um porém que, neste caso, é o homem, que pensa ser dominante, racional. Tudo de bom que a natureza pode fazer transgrediu esta regra há muitos anos para comemorar uma linda época chamada Natal. Apenas para conhecimento, o Natal acontece desde o século IV.

Sou colunista da Healthcare Management já algum tempo e, desde então, ganhei confiança para comentar ou abordar alguns temas polêmicos, como falar sobre as comemorações natalinas nas últimas décadas.

Estou fazendo esta referência porque perguntando para meus amigos e familiares ouso dizer que cerca de 60% dessas pessoas consideram a época de natal muito estressante.

Neste período, muitos profissionais são obrigados a sublimar vários fatores adversos e entrar no clima natalino com os colegas de trabalho, família, amigos, enfim com todo o ritual elaborado pela sociedade contemporânea para esta época.

Natal deve ser tempo de renovação, de paz, de comunhão, de solidariedade e espiritualidade!

Lindo, não acha leitor?  Pena que em muitas ocasiões seja só nas palavras.

Você já parou para pensar que nesta época ganhamos o que não necessitamos, o que muitas vezes não gostamos, o que frequentemente não nos tem utilidade e que teremos de guardar mesmo sem lugar para isto .

Por que ? Para que? Precisamos presentear com os mesmos atributos acima citados, somando que em função disto nossas contas se desequilibram até o próximo ano.

Novamente, por que e para que?

Sem falar na nossa insistência pueril de fazermos uma ceia que seria perfeita para o frio dos países nórdicos. No Brasil, e ainda por cima em dezembro, auge do calor estaremos com nossa árvore de natal linda cheia de neve. Pequeno detalhe que passa despercebido é o fato de estarmos em um país tropical e na época do verão. Sem falar que o estereótipo do papai Noel não é nada saudável.

Natal, hoje, conflita em muito com o magnífico conceito de sustentabilidade.

Neste período, além de cansados do trabalho de um ano todo, desejando repousar, para conseguir começar o próximo ano com total energia, mas, de novo o mas ….

É a época que temos mais cansaço e menos tempo para descansar devido aos inúmeros compromissos. Pergunto então, não está na hora de resgatarmos o sentido da origem do  Natal?

Revisitar nossas atitudes, adotar novas posturas mais adequadas à nossa vida hoje!

Um novo Natal com menos exageros alimentares e com mais amor a si mesmo e ao próximo. Com menos presentes materiais, com mais calor humano, com mais abraços fraternos. Um Natal em que a comemoração do nascimento de Jesus traga vida plena a todos os seres viventes. Um Natal com menos compromissos , com muito mais tempo para si mesmo, para a família, para os amigos e para a natureza.

Um natal sem grandes gastos financeiros e sem a produção excessiva de resíduos. Um natal assim aqueceria os corações humano e seria verdadeiramente sustentável!

Sobre

Veja também

Carlos Eduardo Gouvêa, do IES, fala sobre as ferramentas de Governança e Compliance como estratégia para garantir a sustentabilidade do mercado de saúde

O Brasil avançou rumo a uma maior transparência na área da saúde. É o que …