Home / Healthcare Management / Gente e Gestão / Novos equipamentos vão garantir ampliação do tratamento de radioterapia no SUS

Novos equipamentos vão garantir ampliação do tratamento de radioterapia no SUS

Mais 100 aceleradores lineares devem estar em pleno funcionamento até 2019

Para ampliar o acesso ao tratamento de câncer no País, o Ministério da Saúde redefiniu os serviços para distribuição de 140 aceleradores lineares (emissores de radiação) pertencentes ao Plano de Expansão da Radioterapia. A medida garantirá a cobertura no Sistema Único de Saúde (SUS) de mais de 70 milhões de brasileiros. A meta é que até 2019 todos os aparelhos estejam em funcionamento, atendendo 100% do público-alvo.

Cerca de R$ 500 milhões foram investidos para a aquisição de 100 aceleradores lineares, além da realização de projetos e obras. Os outros 40 aceleradores serão adquiridos com recursos de convênios

Atualmente, o Brasil possui 243 aparelhos para tratamento de radioterapia na rede pública em funcionamento. Até 2019, considerando a inclusão de novos aparelhos, substituições e habilitações, o País passará a ter 331 aceleradores lineares disponíveis para atendimento à população.

Sobre

Veja também

Unimed está entre as empresas em que os brasileiros mais sonham em trabalhar, segundo o LinkedIn

A Unimed está entre as três empresas onde os brasileiros mais sonham trabalhar, segundo o …