Home / Health ARQ / Arquitetura / Novo Parque fabril da B.Braun conquista selo LEED com diretrizes de qualidade e sustentabilidade

Novo Parque fabril da B.Braun conquista selo LEED com diretrizes de qualidade e sustentabilidade

O maior parque fabril da B.Braun na América Latina conta com uma proposta inovadora: filosofia Lean. Não poderia ser diferente. Concebido com práticas que permitem a otimização dos processos, eliminando desperdícios e trazendo para a empresa resultados diretos na redução dos custos de produção e na rápida resposta para atender à demanda do mercado, o projeto denominado Guaxindiba ganha destaque e garante a certificação padrão ouro do LEED (Leadership in Energy and Environmental Design).

Na mesma linha de qualidade e sustentabilidade, a Climapress foi contratada, em 2014, como responsável pela instalação do sistema de ar condicionado do novo laboratório, localizado em São Gonçalo (RJ). Todo o trabalho foi desenvolvido para a obtenção do selo LEED, tendo sido adotado o sistema de expansão indireta, por meio de uma Central de Água Gelada, com a utilização de unidades resfriadoras de líquido com condensação a ar, totalizando 420 TR, com sua eficiência energética comprovada por meio de testes de desempenho.

“A principal tecnologia empregada foi a utilização de chillers de alto rendimento, inclusive em cargas parciais, mantendo assim a eficiência energética durante todo o funcionamento da instalação. Para isso, utilizamos inversores de frequência em todos os motores dos condicionadores de ar [fancoil] instalados no empreendimento”, conta Edgard Marzola, Gerente de Engenharia da Climapress. Além da utilização dos inversores de frequência, os condicionadores de ar foram dotados com ciclo entalpico, utilizando as condições climáticas externas, economizando energia do sistema.

Por se tratar de ambientes controlados, como a indústria farmacêutica e hospitalar, a monitoração do ambiente é tida como assunto sério pela instaladora de HVAC-R, sendo trabalhado desde a concepção do projeto até a entrega da instalação comissionada.

“Existiu neste projeto uma preocupação com o controle da temperatura e umidade para o armazenamento dos produtos fabricados pela B. Braun. Todo o projeto executivo, equipamentos e materiais, bem como a instalação, foram acompanhados e aprovados pelo departamento de engenharia da companhia”, conta.

Na área com controle rigoroso de temperatura e umidade, o sistema opera com equipamento reserva, assegurando assim as condições internas em caso de falha de uma das máquinas. De acordo com Ayra Souza, Engenheira de Orçamentos da Climapress, para cada zona de climatização foram previstos dois condicionadores de ar – trabalhando cada um com 50 % da carga. “Isso é necessário em caso de manutenção e/ou falha de um dos condicionadores. Assim, o condicionador operante passará a funcionar atendendo 75 % da carga da zona, minimizando o impacto no sistema.”

O Armazém Logístico foi à primeira fase do Projeto Guaxindiba, inaugurado em Abril de 2015. Nele, a liberação da área de depósito para montagem das prateleiras era o caminho crítico da instaladora, sendo os dutos de insuflação montados a 18 metros de altura. “Antes da implantação de um sistema como este, identificamos quais são os pontos críticos da instalação, trabalhando de modo a minimizar os impactos in loco”, garante Ayra.

As demais etapas do projeto abrangem uma fábrica de dispositivos médicos  e um moderno Centro Administrativo. A planta industrial no Ciesg representa um divisor de águas para o Grupo no Brasil. O novo parque permitirá a ampliação da fabricação de equipos (conjunto de acessórios para terapias de infusão), por exemplo, passando de 56 milhões de unidades produzidas por ano, para 84 milhões e, posteriormente, expansível para 112 milhões.

Sobre

Veja também

Obras de reforma do Hospital Regional de Gurupi passam por vistoria

Como parte da implantação do Plano Diretor Estratégico (PDE) no Hospital Regional de Gurupi, o …