Hospital de Câncer da Amazônia anuncia o início das obras


No sábado, 10 de janeiro, aconteceu a solenidade de lançamento da pedra fundamental do Hospital de Câncer da Amazônia, em Porto Velho. Para o diretor geral do Hospital de Câncer de Barretos (HCB), Henrique Prata, esse é um marco histórico para Rondônia, que a partir de então terá o maior centro de tratamento de câncer da Amazônia.

O novo hospital deve ficar pronto em aproximadamente três anos. A unidade do HCB em, Porto Velho, já funciona há mais de três anos no prédio que pertence ao Hospital de Base (HB). A instituição é sustentada por meio de doações.

De acordo com Prata, as doações hoje são para a vitalidade do hospital que custa R$ 26 milhões, e a tabela Sistema único de Saúde (SUS) paga 15 milhões.

O terreno onde será construído o novo hospital foi totalmente doado, por dois empresários da capital.

 A área do Hospital de Câncer da Amazônia tem cerca de 100 mil metros quadrados e está localizado na BR-364. Na primeira etapa da construção terá 15 mil metros quadrados de área construída e dois mil metros quadrados serão reservados para o atendimento indígena.

Na opinião de Prata, o Hospital de Câncer da Amazônia será um centro avançado, com a última tecnologia do mundo.

A estrutura contará com 24 leitos para internação em geral, 16 leitos para internação pediátrica, 20 leitos para internação indígena, e Unidade de Tratamento Intensiva (UTI) com 8 leitos. Além disso, serão oferecidos serviços como quimioterapia, radioterapia, pesquisa, banco de tumores, emergência, radiologia, ultrassom, ressonância magnético, mamografia entre outros.

Artigo Anterior Pfizer amplia seu portfólio de vacinas
Próximo Artigo Haroldo Pinheiro é reeleito para Presidência do CAU/BR