Home / Saúde e Bem Estar / Saúde da Mulher / FIDI promove ação com exames de mamografia gratuitos e oficinas de bem-estar na Praça da República

FIDI promove ação com exames de mamografia gratuitos e oficinas de bem-estar na Praça da República

A Fundação Instituto de Pesquisa e Estudo de Diagnóstico por Imagem (FIDI) – responsável pelos exames de imagem em 85 unidades públicas de saúde na capital – realizará entre os dias 16 e 19 de outubro, das 10h às 18h, a campanha “Todos pelo Rosa” (#TodosPeloRosa), na esplanada da Praça da República, na região central de São Paulo. A ação especial e gratuita, realizada em prol do Outubro Rosa, contará com diversas atividades, entre elas, exames de mamografia, oficinas de maquiagem e de lenço e bate papo com especialistas sobre prevenção.

Durante o período, todos os dias serão distribuídas 50 senhas para a realização de exames de mamografia em mulheres a partir dos 35 anos. Para isso, basta levar cartão do SUS, RG e CPF. As mulheres serão atendidas em uma Unidade Móvel, fornecida pela Truckvan, líder brasileira no mercado de soluções sobre rodas e apoiadora da ação. Caso os médicos detectem alguma alteração, o ultrassom será feito na hora. Além disso, as pacientes serão encaminhadas ao Hospital Pérola Byington.

Para estimular doação de cabelo entre os participantes, serão disponibilizados diariamente cabeleireiros profissionais para realizarem o corte. Além disso, a digital influencer, modelo e Miss Acre Gi Charaba estará no evento para compartilhar sua experiência e dar dicas de moda para as mulheres presentes.

O câncer de mama é o tipo de câncer mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil. Desde 2014, a FIDI realiza um levantamento do número de pacientes encaminhados para exames complementares por achados suspeitos ou altamente suspeitos. O número de casos cresceu 25% no período, com cerca de 2,8 mil pacientes encaminhadas no último ano. A dra. Vivian Milani, radiologista da FIDI, explica que o câncer de mama tem até 95% de chances de cura se for precocemente detectado. “A melhor forma de se fazer essa prevenção é com a realização do exame de mamografia. Por isso é muito importante que as mulheres respeitem o período de retorno prescrito no laudo médico”, explica.

A coordenadora de projetos sociais da FIDI, Cristiane Claro Monzani, afirma que o objetivo do evento é evidenciar a importância da prevenção e promover momentos de lazer para mulheres que já passaram ou ainda enfrentam a doença. “Como instituição preocupada com o bem-estar da população, a FIDI deseja disseminar informações sobre o câncer e conscientizar as pessoas sobre a importância dos exames preventivos. Além disso, ao promover oficinas, também queremos ajudar no processo de elevação da autoestima da mulher. Nosso maior intuito é unir a sociedade em torno de uma causa nobre”, ressalta.

Segundo o Colégio Brasileiro de Radiologia, a mamografia de rotina deve ser realizada anualmente a partir de 40 anos de idade. No caso das mulheres com histórico familiar, mãe, filha ou irmã, a orientação é que iniciem esse rastreamento o mais rápido possível.

O autoexame é muito importante para que a mulher conheça bem o seu corpo e perceba com facilidade qualquer alteração nas mamas e assim procure rapidamente um médico. Vale lembrar que o autoexame não substitui a mamografia e deve ser realizado mensalmente, logo após a menstruação. Nas pacientes que não menstruam mais, devem escolher um dia no mês, para realizar o autoexame.

Para examinar a mama esquerda, coloque a mão esquerda atrás da cabeça e apalpe com a mão direita. Para examinar a mama direita, faça o movimento inverso, colocando a mão direita atrás da cabeça e apalpe com a mão esquerda. Já no mamilo, faça pressão suave e verifique se há alguma secreção. As axilas também podem omitir pequenas alterações, portanto, após examinar as mamas, apalpe toda a área debaixo dos braços.

Mais informações sobre a FIDI podem ser obtidas em http://fidi.org.br/

Programação completa:

16/10 – Terça-feira
10h às 11h – Oficina de Maquiagem – HINODE
11h às 12h – Dicas de Moda – Influenciadora Gi Charaba
12h às 13h – Bate papo: “O câncer de Mama”, com a dra. Rosana Midori
13h às 14h – Oficina de Maquiagem – HINODE
14h às 15h – Oficina de Lenço (ONG Leva Estilo)
15h às 16h – Oficina de Maquiagem – HINODE
16h às 17h – Oficina de Lenço (ONG Leva Estilo)
17h às 18h – Oficina de Maquiagem – HINODE

17/10 – Quarta-feira
10h às 11h – Oficina de Maquiagem – MARY KAY
11h às 12h – Dicas de Moda – Influenciadora Gi Charaba
12h às 13h – BATE PAPO “Sinais e Sintomas do Câncer de Mama”, com a dra. Vivian Milani
13h às 14h – Oficinas de Moda e Maquiagem (AMT Assessoria de Beleza / Akassi Estúdio de Estilo)
14h às 15h – Oficinas de Moda e Maquiagem (AMT Assessoria de Beleza / Akassi Estúdio de Estilo)
15h às 16h – Oficinas de Moda e Maquiagem (AMT Assessoria de Beleza / Akassi Estúdio de Estilo)
16h às 17h – Oficina de Lenço (ONG Leva Estilo)
17h às 18h – Oficina de Maquiagem  – MARY KAY

18/10 – Quinta-feira
10h às 11h – Oficina de Maquiagem – HINODE
11h às 12h – Dicas de Moda – Influenciadora Gi Charaba
12h às 13h – BATE PAPO “Mitos e Verdades da Mamografia”, com a dra. Simone Caetano
13h às 14h – Oficina de Lenço (ONG Viva Melhor)
14h às 15h – Oficina de Maquiagem  – HINODE
15h às 16h – Mini Aula Prevenção (ONG Viva Melhor)
16h às 17h – Oficina de Maquiagem  – HINODE
17h às 18h -Oficina de Lenço (ONG Viva Melhor)

19/10 – Sexta-feira
10h às 11h – Oficina de Maquiagem – HINODE
11h às 12h – Dicas de Moda – Influenciadora Gi Charaba
12h às 13h – Bate Papo: “Prevenção do câncer de mama”, com a dra. Cristiana Costacurta
13h às 14h – Oficina de Lenço (ONG Viva Melhor)
14h às 15h – Workshop de Moda – Marci Marciano
15h às 16h – Workshop de Moda – Marci Marciano
16h às 17h – Workshop de Moda – Marci Marciano
17h às 18h – Oficina de Maquiagem – HINODE

Informações importantes
Durante todos os dias de evento, haverá um cabeleireiro à disposição para doação de cabelo para perucas.

Só serão atendidas mulheres a partir dos 35 anos, com documento de identidade com foto, CPF e cartão do SUS. Não é necessário ter pedido médico.

Sobre

Veja também

18 mitos e Verdades sobre a endometriose

1 – É fácil diagnosticar a endometriose Mito: não é fácil diagnosticar a endometriose. É comum …