Home / Health ARQ / Construção / Com obra em estágio final, nova torre do Hospital Moinhos de Vento (RS) deve ser concluída no segundo semestre de 2017, beneficiando 3 mil pacientes por ano

Com obra em estágio final, nova torre do Hospital Moinhos de Vento (RS) deve ser concluída no segundo semestre de 2017, beneficiando 3 mil pacientes por ano

O Hospital Moinhos de Vento, em Porto Alegre (RS), comemora 90 anos em 2017, em plena expansão. No segundo semestre deste ano, a instituição concluirá sua nova torre, que teve investimentos da ordem de R$ 100 milhões e ampliará a capacidade da unidade em 100 leitos.

Com oito andares e área total construída de 9.300 m², a obra se encontra em estágio final. “Neste momento, as principais atividades se concentram em acabamentos como forro de gesso, pintura, instalação de piso e testes de redes de instalações”, conta Pedro Tedesco Silber, diretor-presidente da Construtora TEDESCO, responsável pela obra.

Os leitos do novo prédio serão divididos em Unidades de Internação, Centro de Terapia Intensiva Adulta e Centro de Terapia Hematológica, especializado no tratamento de doenças oncohematológicas. “A construção deverá gerar 500 novos empregos e beneficiar 3 mil pacientes por ano”, afirma Carlos Marczyk, gerente de infraestrutura do Hospital.

A edificação incorpora diversos conceitos de um prédio de alto desempenho e de qualidade técnica superior, conforme pontua Silber.

“A fachada ventilada com uso de placas cerâmicas e de fibrocimento, por exemplo, garante uma redução do dimensionamento do sistema de climatização e, como consequência, reduz o investimento inicial em equipamentos e o custo recorrente do sistema de ar-condicionado”, comenta.

Já o projeto luminotécnico, segundo Silber, foi pensado para trazer conforto visual e maior eficiência ao trabalho de médicos e enfermeiros. Além disso, foram instalados balizadores e luminárias lineares nas circulações, eliminando áreas de sombra e aumentando a segurança dos espaços.

O diretor-presidente da Construtora ainda lembra que foram empregadas no prédio esquadrias acústicas que garantem maior vedação, o que contribui para o bem-estar de pacientes e colaboradores da instituição.

“Em tempos em que muitas instituições de saúde têm fechado seus leitos, o Hospital Moinhos de Vento está indo na contramão da crise e oferecendo ainda mais leitos que vão contribuir para a saúde da população. Esta obra demonstra o nosso compromisso em cuidar de vidas”, ressalta o gerente de infraestrutura do Hospital.

Novos processos

Para assegurar a eficiência na obra do Moinhos de Vento, em sua execução, foi implementado o Sistema HTB de Gestão de Obra, que faz parte do Programa de Excelência Operacional da HTB, Grupo do qual a TEDESCO faz parte. Além disso, de acordo com Silber, foram empregados novos processos, materiais e tecnologias.

“Buscamos renovar os processos tradicionais, agregando valor antes mesmo da entrada no canteiro de obras, com o objetivo de reduzir o prazo de execução. Também temos implantado soluções pré-fabricadas, como a substituição da estrutura de concreto tradicional pela estrutura metálica. Na área de máquinas e climatização, a construtora vem tornando o processo construtivo mais industrializado”, enfatiza.

Na visão de Silber, cada detalhe é importante para evitar reformas desnecessárias e intervenções futuras. “Os cuidados devem começar já na fundação e execução da supraestrutura e seguir até a fase de acabamento, sempre associando boas práticas de engenharia à escolha de bons fornecedores e materiais de elevada durabilidade, compatíveis com o projeto e com o uso a que se destinam”.

Atualmente, além da obra no Hospital Moinhos de Vento, a Construtora tem em seu portfólio outros projetos na área da saúde, inclusive fora do Rio Grande do Sul. As instituições de saúde representam 30% da carteira de clientes da TEDESCO. Na previsão do diretor-presidente da empresa, “2017 será um ano de estabilidade em termos de crescimento”.

Matéria publicada na 23ª HealthARQ. Clique e confira a edição na íntegra. 

Sobre

Veja também

Obras de reforma do Hospital Regional de Gurupi passam por vistoria

Como parte da implantação do Plano Diretor Estratégico (PDE) no Hospital Regional de Gurupi, o …