Governo investe R$ 6,4 bilhões em remédios e tecnologia


Aplicação do recurso permitirá a geração de mais de 7,4 mil vagas de empregos

O Ministério da Saúde anunciou que vai garantir o investimento de R$ 6,4 bilhões para incentivar a produção nacional de medicamentos, insumos e tecnologias em saúde. A aplicação desse recurso permitirá a geração de mais de 7,4 mil vagas de empregos qualificados; além de envolver cerca de 450 doutores especializados em pesquisas para auxiliar o desenvolvimento de medicamentos e produtos para a saúde.

A maior parte do recurso será destinada à produção de remédios. Outra irá para a construção de três fábricas para atender à demanda de medicamentos biológicos mais complexos e que respondem por 51% do orçamento de medicamentos do ministério. O investimento virá da iniciativa privada e, eventualmente, de laboratórios públicos.

As três novas fábricas serão parte da Fundação Oswaldo Cruz, do Instituto Butantan e do Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar) e atenderão às demandas de biológicos do País. As parcerias na área de biológicos preveem investimentos que permitirão a produção de medicamentos para o tratamento de pessoas com câncer; soros contra raiva e picadas de animais venenosos; e vacinas para gripe, hepatite A e HPV, por exemplo.

Nos investimentos anunciados pelo ministro da Saúde, Ricardo Barros, também estão previstos R$ 740 milhões para produção de medicamentos direcionados a doenças raras e negligenciadas, o que permitirá a redução da judicialização e o aumento na ampliação da assistência e cuidados a pessoas que vivem com essas doenças.

Anterior Rede Mater Dei de Saúde faz expansão do Serviço de Hemodiálise
Próximo Nova técnica de desobstrução das artérias do coração é adotada no Hospital Mãe de Deus

Sem Comentários

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *